Google+ Badge

sábado, 9 de março de 2013

Acordar na Primavera…




Acordar na Primavera…

Hoje queria adormecer profundamente
E só acordar na primavera.



Queria adormecer num sono longo,
Sem sonhos, sem expectativas, apenas com a certeza,
Que o sol me acordaria e me transformaria,
Como transforma toda a natureza.

Queria acordar com o cheiro das flores,
Perfumada com a doçura que se solta dos campos,
Quando o sol os aquece.

Com a alma limpa, liberta de tudo, como quem nasce.
Soltar-me livre e deixar-me ir na aragem suave,
Que percorre os fins de dia.

Queria acordar entre
Os verdes, os brancos, os amarelos e os vermelhos
Que cobrem toda a terra e lhe devolvem vida.

Queria ouvir os pássaros, as cigarras e os grilos
E sentir que tudo canta, tudo pulsa, tudo vibra,
Sentir-me parte dessa renascida natureza.

Hoje queria adormecer…
E só acordar na Primavera.

Benvinda Neves – Março 2013