Google+ Badge

sábado, 11 de novembro de 2017

Nunca precisamos "de tudo... nem de muito..."


Nunca precisamos
 "de tudo... nem de muito..."

Quando olhamos um céu, ao fim do dia,
sabemos que é infinito, mas concentramo-nos
 no bocadinho que achamos belo e nos faz felizes. 

Na vida é igual, se quisermos o mundo,
perdemo-nos na sua imensidão.

Centremos o coração 
nos "bocadinhos" que nos fazem felizes
e aprendamos a aprecia-los
como quando apreciamos o pôr do sol.

Às vezes esquecemos que a felicidade
são fragmentos da vida.
É preciso educar os nossos sentidos
para os apreciarmos em pleno.

Tantas vezes fomos felizes
e só nos apercebemos que o fomos
quando já não somos...







Benvinda Neves