Google+ Badge

sexta-feira, 27 de março de 2015

Há dias em que a alma se adapta à melancolia...

Não fujas alma, 
não te percas em marés de cinzento,
porque o brilho espelhado nas águas
não é teu, 
e eu nem sei
se pertence ao céu ou ao mar...

Há dias em que a alma 
se adapta à melancolia...



























Oeiras / Portugal

Benvinda Neves