Google+ Badge

quarta-feira, 10 de dezembro de 2014

Nua, mas erguida...


Nua, mas erguida...

Aqui passou a Primavera,
carregada de promessas de vida
Trazendo a esperança nos botões
que brotaram nas árvores e nos campos.

Aqui passou o Verão,
incendiando o corpo e a alma
e transformando em urgente
a entrega de toda a natureza.

Aqui passou o Outono,
amarelecendo e arrancando todas as folhas
deixando-me despida à chuva e ao frio,
sem se importar com a minha dor.

Aqui estou...
Nua, mas erguida na imensidão do campo,
que tal como eu aceita que a vida se renova.

Com a certeza
que o Inverno passará 
e que a Primavera me fará renascer.

Benvinda Neves
Dezembro 2014