Google+ Badge

sábado, 12 de abril de 2014

Roseira Brava...





Roseira Brava...

Hoje reparei nela,
Uma roseira brava, num pedaço de terra maltratada.
Nunca tinha visto uma roseira tão grande,
Nem tão florida.

Possivelmente já passei perto dela muitas vezes,
Mas só hoje a exuberância da cor me prendeu o olhar. 
Linda, num emaranhado desnorteado,
Que cresce em forma de arbusto,
Como se a vontade fosse chegar ao céu.

Aproximei-me e o cheiro é maravilhoso.
Um perfume delicado, 
Que me levou a acariciar algumas pétalas.

Interrogo-me quantas vezes por ali passei,
Sem nela reparar,
Possivelmente porque só agora floriu.

Quantas vezes nos cruzamos com pessoas,
Sem nelas repararmos?

Só descobrimos a beleza,
Quando nos propomos conhece-la.

Há gente com perfume e colorido lindos,
Sem que a gente se aproxime 
Para o podermos sentir.

Benvinda Neves