Google+ Badge

sexta-feira, 25 de abril de 2014

25 de Abril a "Revolução dos Cravos".

25 de Abril de 2014
Assim se festejou esta noite no Seixal
os 40 sobre o 25 de Abril de 1974,
aquele que é conhecido popularmente como o dia da 
"Revolução dos Cravos".
Comemora-se em Portugal 
a passagem do Fascismo à Democracia.
"Revolução dos Cravos",
porque contrariamente às ordens dadas aos militares,
da boca dos canhões não saíram balas. 
Celeste Caeiro, uma empregada de restaurante,
que se cruzou com os militares no Rossio,
lembrou-se de oferecer a cada soldado,
um cravo do ramo que levava consigo.
Para sua surpresa, eles aceitaram e colocaram-nos
na ponta das suas armas.
Tornando-se assim
 o cravo vermelho o símbolo da Revolução.


Um monumento num jardim do Seixal:
Uma Mulher, uma Pomba e Cravos Vermelhos,
Símbolos da Liberdade
Um desejo que acalentamos,
que todos os Homens sejam Livres
e que que a vida seja vivida com dignidade,
"Trabalhar para Viver 
e Não viver para trabalhar". 














Benvinda Neves