Google+ Badge

sábado, 1 de março de 2014

Pétalas ao vento…


Pétalas ao vento…

Porque morrem as flores que tanto amamos,
Quando as cuidamos com amor?

Tenho pétalas no chão que piso,
Iluminadas pelo luar que vem do meu coração.

Folhas finas que se soltaram da flor de fogo que te ofereci,
Largadas e perdidas no vento da vontade.

Caminho sobre este tapete de pétalas,
Frágeis, coloridas, delicadas e perfumadas.
Que soltam aroma doce e triste,
No tempo em que as noites são mais longas que os dias.

Cor-de-rosa de amor,
Vermelho de paixão,
Castanho de saudade,
Num colorido e num odor que te trás até mim.

Apesar de flores caídas e abandonadas,
Caminho com cuidado,
Porque me dói pisar tanta beleza.

Tenho pétalas de Amor no chão que piso…

Benvinda Neves

Fevereiro 2014