Google+ Badge

quarta-feira, 16 de outubro de 2013

Desencontros …




Desencontros …


Há pessoas que são especiais…
Diferentes do comum.
Distinguem-se pela sua abnegação em prol dos outros
E pela forma natural em como mudam vidas,
Na sua passagem.

São pessoas simples e raras, 
Nas quais muitas vezes o mundo só repara,
Depois que partiram.

Mas há também aquelas que não o sendo,
As elegemos como Especiais.

São pessoas que o nosso coração nomeia
E lhes dá estatuto diferente.
Pessoas a quem desnudamos a alma
E sem subterfúgio mostramos quem somos.

Quando o dia apaga...
Sentimo-nos perdidos,
Na imenso silêncio e escuridão da noite,
Mas teimamos em acreditar que houve magia e verdade.

Talvez porque cada desencontro com os outros,
Represente um novo encontro connosco.

Consciencializamos a nossa vulnerabilidade,
Tornando-nos mais humildes
E mais conhecedores das nossas fraquezas.

Teima o coração em desmentir-nos a mente
E sem grande esforço, 
Tendemos a acreditar nele,

Porque de romantismo sonhos e ilusões,
Se constrói muita da nossa felicidade.


Benvinda Neves