Google+ Badge

sexta-feira, 12 de julho de 2013

Apenas sentir…



Apenas sentir…

Hoje acordei tranquila, em paz com o mundo,
Não me apetece pensar,
Apenas sentir…
Sentir os cheiros, as cores os sons 
e deixar-me ir…
Respirar muito fundo e deixar fluir.

Tem sempre tanto do nosso sentir preso cá dentro,
com necessidade de se soltar,
de libertar emoção.
Raras são as vezes
que conseguimos confessar ao mundo,
o que nos enche o peito,
o que magoa ou o que nos faz felizes.

Receamos julgamentos, 
mesmo que apenas em forma de sorriso.
Ou simplesmente
não encontramos palavras que o transcreva.  

Hoje não me apetece pensar,
Apenas sentir…

Fechar os olhos
e deixar que esta aragem fresca vinda da serra
me leve...
Me mergulhe em azuis matinais tranquilos, ou me faça flutuar.
Que o meu espírito tenha a leveza de uma brisa,
Que se desloca pelo mundo levando os cheiros da terra
E os sentires do céu.

Hoje acordei em paz com o mundo,
Tirei o dia para me encontrar comigo
E vou tranquilamente deixar fluir…

Benvinda Neves

Julho 2013