Google+ Badge

quarta-feira, 19 de junho de 2013

Um sopro…é sempre um sopro…


Um sopro…é sempre um sopro…

Às vezes não somos mais que um sopro
Que passou na vida de alguém.

Um sopro suave que se levantou na poeira do caminho
E desapareceu instantaneamente
Quando os passos cessaram.

Outras vezes são os outros que são sopros nas nossas vidas,
Que nos acordam a meio dos percursos
E nos provocam arrepios que originam novas emoções.

Há sopros que gostaríamos se deixassem ficar
E perdurassem a nossa sensação de bem-estar,
Porque Harmonizam a nossa natureza.

Um sopro…é sempre um sopro...
Surge e passa num instante.

Mas sabe muito bem enquanto sopra.


Benvinda Neves
Junho 2013