Google+ Badge

terça-feira, 5 de fevereiro de 2013

Um dia é como uma Vida...



                                         (imagem - o Douro com todo o seu esplendor)


Um dia é uma vida…

O nascer do sol é silencioso, suave, ténue, quase tímido,
Mas como um milagre vai apagando a noite.
Trás a felicidade do Nascimento,
Que não conseguimos deixar de contemplar sem nos comover.

As manhãs são como a Infância,
Prolongam-se despreocupadas, dando-nos tempo para tudo,
Nelas nem pensamos que o dia terá fim.

O meio-dia é como a Adolescência,
Pujante, quente e cheio de força, lindo,
Mas esta é a hora em que o sol faz mal sem querer.

As tardes são o estado Jovem e Adulto,
Soalheiras, brilhantes, apetecíveis, luxuriantes de cores,
Envolvem-nos de tal forma que nem nos lembramos
Como foram as manhãs nem que se aproxima o crepúsculo.

O anoitecer é como a Velhice,
Não percebemos bem onde acabou a tarde,
Pois de repente olhamos e as cores do céu mudaram.
O horizonte tem agora tons que não vimos durante todo o dia,
Queremos guarda-los e regista-los,
Pois sabemos que o pôr-do-sol é rápido
E que depois dele vem inevitavelmente a noite.

Com a noite, a certeza que o dia acabou.

Todos queremos eternizar as tardes…


Benvinda Neves - 5 Fevereiro 2013